Duas experiências com o Floral Tempo.

Minha História com a Árvore do Floral Tempo começou depois que ouvi a Sandra falando sobre ela com tanto respeito, reverência e amor que senti imediatamente uma conexão profunda com a árvore. Algum tempo depois, passei por um processo que se repetia ciclicamente comigo e no “olho do furacão”, sonhei com a árvore. Comecei a tomar o floral e a sensação de frustração que sentia na perda de tempo em não compreender o porquê daquele processo se repetir cessou por completo e me deu calma para seguir EM FRENTE mesmo sem entender.

Um tempo depois, precisamente nas últimas semanas de férias escolares viajei de carro com minha família por 860 km e quando já estávamos no destino, o câmbio do nosso carro quebrou por completo numa situação bem difícil: à noite, numa estrada mal iluminada e deserta, numa cidade sem muitos recursos e longe da capital do estado...

Bom, meus filhos que são pequenos entraram em pânico, estavam desesperados em ficar esperando... pela espera em si e pelo medo de uma situação que eles nunca tinham vivenciado. Comecei a acalmá-los enquanto resolvíamos coisas práticas como sair do carro, chamar guincho, seguro e esperar... Meu filho mais velho foi ficando cada vez mais “panicado” querendo que tudo acabasse rápido, sair dali rápido e ir embora rápido... a ponto de ter dito que se o guincho demorasse mais 5 min iria sair andando sozinho no meio da noite para voltar pro hotel... uma percepção de tempo completamente equivocada.

Sempre ando com vidrinhos de florais na bolsa e justamente o único que estava lá era o TEMPO... pinguei algumas gotas na boca de todo mundo e aguardei... Foi visível a mudança na percepção de tempo das crianças ... do meu marido e minha... o medo e a apreensão continuavam, mas a sensação de urgência de espera passou por completo. Ficamos 1 hora aguardando o guincho chegar... um morador local “anjo da guarda” ficou conosco o tempo todo e nunca mais o vimos... no dia seguinte, conseguimos resolver todas as questões burocráticas para conserto do carro que veio de volta SP e pudemos curtir com todo o tempo do mundo nossa semana de descanso.

Essa matriarca da MATA me ensinou que todo tempo é relativo e que tudo se encaixa no tempo e local certo... me trouxe a verdadeira percepção de que, mesmo nas situações urgentes, o tempo pode ser percebido à nosso favor. Como contou a Sandra, ela “Ela é algo que vem de muito tempo, para muito tempo além, Neste tempo presente, e de todos os tempos de sempre”.

Mais uma essência da Ararêtama da qual virei fã incondicional.

Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square